sábado, 20 de agosto de 2011

Instante


... e o sol se pôs
Tão bonito,
Tão de repente...
Em minhas mãos
Repousam quietos
Os últimos segundos
Do dia.
Me escapam
Antes que eu perceba.
Não há nada
Que eu possa fazer.
As cores apagaram
E tudo era escuridão...

                                                                         Aline Monteiro

"Aconteceu
O que aconteceu
Foi melhor assim
Estava por um fio
Estava por um triz
Estava no fim
Todo mundo via
Que acontecia
Pois aconteceu
Era o que devia
Quando um descaminho
Acha o seu desvio
Tudo se alivia
Foi melhor assim
Quando dei por mim
Já estava aqui e agora"

(Aconteceu - Marisa Monte e Arnaldo Antunes)

4 comentários:

Lívia Almeida disse...

quando a gente ve, ja foi... e tudo que e bom acaba instantaneamente! xD

Val disse...

tem selinho para vc em meu blog
http://3.bp.blogspot.com/-kBv1KKhxSjs/TlAPtd5PteI/AAAAAAAAAmw/wvX-DXCaGZw/s1600/selocontendoestrelinhas.jpg

Thiago Soeiro disse...

EU adorei o poema e adoro essa música também. Aline quem te mandou ser meu par perfeito heim?

Cris disse...

sabe o que imaginei?
Tu olhando o pôr-do-sol, akele
laranja, lá no quarto do André
com a mão segurando o queixo
e tomando café com pão da carol.
Vc e sua cara triste, olhos grandes e lacrimejantes.

No que será que pensa Aline?